Fórmula Café

Arquivo para a categoria “Outros”

Resposta ao “AUTOMOBILISMO NÃO É ESPORTE !”

Este texto é uma resposta ao “AUTOMOBILISMO NÃO É ESPORTE!” de Luiz Antônio Simas

Luiz Antônio Simas,

uma das coisas que meu pai me ensinou foi que discutir com pessoas ignorantes é perda de tempo. Eu poderia muito bem fingir que nunca li seu texto. Ou só ter rido de tudo o que li, fechado a aba e feito alguma coisa mais interessante. Mas não, aqui estou eu, para defender o meu esporte preferido. Não por que ele é o meu preferido, mas por que sim, é um esporte!

Esporte é qualquer atividade com o objetivo de equilibrar a vida e a saúde, e melhorar a aptidão física e/ou mental. Para julgar o automobilismo como um “não-esporte”, você certamente não sabia dessa definição. Os seus argumentos são que os pilotos são playboys, que são uns “babacas” por ficar dando voltas em alta velocidade, que são patrocinados por drogas. Luiz, que argumentos fracos para combater o automobilismo, hein?

Comecemos pelo fato de que piloto tem que ter um preparo físico monstruoso para conseguir agüentar, durante 2h (como na F1), todas as forças (G, peso, normal, centrífuga, centrípeta…) que atuam sobre ele, para conseguir em marcha alta fazer uma curva difícil. Nem vou comentar das corridas na chuva, das fortes freadas e acelerações. Em um simples final de semana de F1, tachada por você como um “não-esporte”, um piloto pode perder de 3 a 4 kg, só “dando voltas em alta velocidade”.

Luiz, coloque um ‘playboy’ qualquer que não pratica esporte algum para fazer a Eau Rouge em alta velocidade e veremos como ele se sai.

Agora me diga o porquê desses tais ‘playboys’ serem babacas? Por que ficar dando voltas os fazem babacas? Porque eles são mais babacas que você? Você que provavelmente não sabe o quão difícil, desgastante e heroico é conseguir dar uma volta perfeita em Spa-francorchamps.

E sobre as tais drogas, marcas de bebida e cigarro não são as únicas patrocinadoras do automobilismo. E outra, são lícitas.
Automobilismo é sim um esporte. Aliás, é mais que isso. O automobilismo é fonte de milhares e milhares de empregos no mundo todo. É o ‘laboratório’ de pesquisas para as novas tecnologias automotivas que todo o mundo usufruirá. Se o automobilismo para, as inovações param.

Sobre o Senna, ele foi o maior herói que essa nação já teve. E não é por que ele é meu ídolo que o elevo a esse patamar. É por que ele é uma das maiores personalidades que o mundo já viu. Pesquise, leia, conheça Ayrton Senna antes de falar qualquer bobagem sobre ele. E aprenda a escrever seu nome corretamente.

Luiz, automobilismo é esporte! Você confundiu seu gosto com fatos. Todo mundo tem o direito de gostar ou não de qualquer esporte. Você tem todo o direito de odiar a F1, pelo ronco dos motores que te acordam domingo de manhã, pela narração do Galvão, ou pela inveja de não ser um ‘playboy’. Pode continuar odiando. Tudo bem. Declare seu ódio, enquanto eu declaro meu amor. É a sua opinião, e eu a respeitarei, é claro. Mas não venha dizer que o automobilismo não é esporte, por que isso não uma simples questão de opinião. Automobilismo é esporte, você goste ou não!

Luiza Maria Saggin

Anúncios

“O que acontece durante um pit stop de um Fórmula 1”

GOIÂNIA – Achei essa matéria no site da TecMundo ano passado e só encontrei agora na minha barra de favoritos. Trata de uma ilustração do que acontece num pit stop da F1. Após a imagem, vídeos e outras explicações quanto ao abastecimento, à necessidade de trocar os pneus além de apontar o pit mas rápido da F1 detre outros tópicos.

É interessante de ver o processo detalhado já que acontecem tantas coisas em 3s ou menos no pi stop. A ilustração está aqui em baixo, a matéria completa você pode conferir neste link.

infografico-tecmundo-378440

Ilustrações de Lisa Statham

Talentosa

GOIÂNIA – Me deparei esses dias com o tumblr de uma ilustradora que tem como tema de seus desenhos o automobilismo. Selecionei as minhas preferidas, mas vocês podem encontrar mais na fanpage do blog e no site dela.

Achei tudo maravilhoso. Com delicadeza e precisão muito bem equilibrados.

90dc26468b77df48850810c5174df464 e5fcf7d02cc3512cbf9540d1619fbe69 eb930110d40502d6973452cebca66131 f8f1407ee84afe062b285f97a9fdba04 tumblr_mo4vvlXatF1qm7bfio1_1280 tumblr_mt2tb6Hk2v1qm7bfio1_500 tumblr_mtfh23Gs651qm7bfio1_1280 tumblr_muptdz1vuT1qm7bfio1_500 tumblr_mutvey9EWB1qm7bfio1_500 tumblr_mv7xabYCc31qm7bfio1_500 tumblr_mvapra6SEL1qm7bfio1_500 tumblr_mvg2gdg1dC1qm7bfio1_500 tumblr_mvlgh1gN6b1qm7bfio1_500 tumblr_mvrcj5eHk41qm7bfio1_500 tumblr_mvur08k3pE1qm7bfio2_500

Mais do mesmo

Goiânia – Se tem uma coisa que vai ficar marcado de 2012 é a tirada de Kimi, o inesquecível “Leave me alone! I know what I’m doing”. Achei esta foto no tumblr, Kimi e Paul:

Kimi e Paul

Kimi e Paul

Agora mais uma para o Kimi. Conhecem aquela música do Pink Floyd, Another brick in the wall? Que diz:

Hey! Teacher! Leave them kids alone!

Fazendo uma adaptação da música, podiam começar uma campanha em 2013 para a Lotus e para o Räikkonen assim:

Hey! Engineers! Leave the Kimi alone!

Quem sabe deixam ele pilotar em paz?

Navegação de Posts

%d blogueiros gostam disto: